Blog

Notícias e Publicações

Workshop harmoniza charutos e cachaças baianas em Festival Origens

Workshop harmoniza charutos e cachaças baianas em Festival Origens

O intuito foi mostrar diferentes combinações para a degustação de charutos

Ivisson Costa

Entre diversas atividades, a programação do 1º Festival Origens contou também com o workshop de harmonização de charutos com cachaças, conduzido neste sábado (2), pela marca de cachaça Rio do Engenho. A ação proporcionou aos participantes experimentarem diferentes linhas da bebida, que variavam de 38% a 48% de teor alcoólico. Os vinhos, muito utilizados também em combinações com o charuto, apresentam até 14% de teor alcoólico.

A sommelière Mikaela Paim afirma que já experimentou todas as bebidas alcoólicas do mundo e diz é questão de honra combinar charutos com bebidas. “Já tive a experiência de fumar charuto com um drink mojito, que é mais refrescante. A harmonização com bebidas é uma das partes mais desafiantes, faço questão de harmonizar com a cachaça também, porque brinco muito com combinações”, conta.

De acordo com Mikaela, não é porque o ambiente de degustação é praticamente masculino que as mulheres não podem participar. “Eu compareço em alguns clubes de charuto em São Paulo e as pessoas ficam me olhando. Eu também estou ali para degustar um charuto novo, isso é normal”, alerta.

O festival é uma realização do Sinditabaco em parceria com o Sebrae, Prefeitura Municipal de Cachoeira, Prefeitura Municipal de São Félix, Café Latitude 13º, Chor Chocolate e Cachaça Rio do Engenho.